Grupo armado com fuzis explode caixas eletrônicos no Centro de Sertãozinho, SP

Ladrões efetuaram disparos para intimidar a Polícia Militar, mas ninguém se feriu. Esse é o quarto ataque a bancos na região de Ribeirão Preto (SP) em menos de um mês.

 Grupo armado com fuzis explode caixas eletrônicos no Centro de Sertãozinho, SP

Homens armados com fuzis explodiram três caixas eletrônicos do Santander na madrugada desta sexta-feira (12) no Centro de Sertãozinho (SP). Segundo a Polícia Militar, o grupo efetuou disparos para intimidar as equipes em patrulhamento.

O crime ocorreu por volta de 5h15, na agência localizada na Rua Barão do Rio Branco, em frente à Praça 21 de Abril. O local está interditado para o trabalho da perícia. Ainda de acordo com a PM, ao menos oito cartuchos 556 foram apreendidos em frente ao banco.

Veja o vídeo:


O grupo conseguiu fugir com o dinheiro dos equipamentos e nenhum dos ladrões havia sido identificado até o início da manhã. A Polícia Civil assume a investigação do caso.

Testemunha
O fiscal de ônibus Elmar Novaes contou que passava pelo local no momento do crime e foi abordado pelos criminosos, que estavam encapuzados e usavam armas longas. Novaes disse que foi ameaçado e ouviu disparos que pareciam ser de metralhadoras.

"Ouvi tiros e abaixei dentro do carro, porque eu me assutei com a aquela situação. De repente, um dos rapazes chegou em mim e disse 'vaza tio, some daqui, dá ré, vaza'. Levei um susto danado porque ele estava atirando, não sei se era para cima", afirmou.



Esse foi o quarto ataque a caixas eletrônicos na região em menos de um mês. Na última quarta-feira (10), o alvo dos ladrões foi uma unidade no Centro de Cravinhos (SP). Os suspeitos agiram da mesma forma e roubaram o dinheiro de dois equipamentos.

Na madrugada de 23 de dezembro, quatro homens armados com fuzis explodiram um posto de atendimento do Bradesco em um supermercado no Centro de Dumont (SP). A ação foi registrada por uma câmera de segurança.

Dois dias antes, homens armados trocaram tiros com a PM após tentarem explodir os caixas eletrônicos de uma agência do Santander no Centro de Restinga (SP). O grupo conseguiu fugir, mas um dos dois carros usados na ação foi apreendido em um canavial.